my sun and my stars

Se fossemos de épocas diferentes, com certeza seríamos o casal mais apaixonado que as pessoas conheceriam.  Talvez não admitissem em voz alta porque não seguiríamos as regras.

Nos apaixonaríamos perdidamente em uma tarde de Novembro porque o Outono é a estação mais romantica que já existou. Você me veria contra a luz do por do sol e se imaginaria ao meu lado pelo resto da vida. Eu te veria chegando no trem onde outrora teria te levado aos mais fascinantes lugares até que seu caminho cruzasse o meu como uma deliciosa armadilha do destino para fazer nossos corações baterem no mesmo ritmo descompassado que só os apaixonados tem.

Você me contaria as histórias de suas aventuras e eu perguntaria sobre tudo porque a minha vontade de fazer parte do seu mundo era o maior sentimento que já havia habitado em mim. Fazia com que eu me sentisse viva outra vez.

Nós conversaríamos todos os dias da forma mais sincera e mais espontânea possível até o dia em que o amor não caberia mais em nossos peitos e o sentimento transbordasse em forma de carinhos e beijos. Nos amaríamos. Me deleitaria em teu corpo e sentiria cada fibra do meu corpo te querer cada vez mais.

Tua pele é sol. Quente e suave, capaz de acalentar até o meu maior tormento. Quando finalmente entrasse em questionamentos para decidir se queria partir em busca de um novo lar, levando embora o meu sol,

saberia então que seu lar

sou eu.

Faz de mim tua morada e me deixa ser o seu Forte, assim como você é o meu.

Seja para sempre, o meu sol.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s